Esposa safada pedindo outro macho de presente

Esposa safada ganhou uma noite de putaria

Oi gente! Sou a Ana Luiza, carioca, 30 anos, sou uma esposa safada e vou contar o presente de aniversário que recebi assim que me descrever. Sou morena de cabelos cacheados, bunda grande e peitos empinadinhos. Tenho coxas grossas e sou uma verdadeira rata de praia e de academia, adoro me cuidar e me sentir bem gostosa e ser cantada por outros machos na rua. Eu amo meu marido Fábio, ele é 10 anos mais velho que eu, mas ao mesmo tempo que admiro meu esposo pela maturidade, eu sempre senti necessidade de ter um novinho na minha vida.

Casei tarde, sempre fui namoradeira e sempre soube me curtir. Quando passava pouco tempo solteira eu sempre gostei de me presentear com vários brinquedos eróticos e me masturbar várias vezes durante o dia. Eu demorei a ter certeza de que sou ninfomaníaca, porque se meu marido der corda, eu passo o dia inteiro trepando gostoso com ele, mas com o tempo meu tesão pelo meu marido foi diminuindo, ele trabalha muito na empresa de engenharia, quando chega em casa tá sempre muito cansado e cá entre nós, chega uma certa idade que o homem não dá mais no couro como antes.

Eu nunca escondi meu lado safada do meu esposo, então um dia a gente se pegando na cama ele perguntou o que eu queria de aniversário, eu respondi brincando que queria um moreno bem pauzudo pra me comer na cama junto com ele. Meu marido ficou meio pensativo, me olhou analisando até perguntar:

-Você tá falando sério? você teria coragem de dar para outro cara junto comigo?

-Olha amor, se você não fosse ficar com ciúmes e isso não atrapalhasse nosso casamento, eu teria sim, eu ia achar muito gostoso ser arrombada por dois.

-Porra, nunca pensei que você tivesse esse desejo. Que você é uma safada eu sempre soube, mas agora tô impressionado com você.

-Que besteira Fábio, a gente já transou com a Marcela (minha amiga) e agora só porque tenho vontade de outro homem você tá chocado?

-Ahh, eu fico com um pouco de ciúme, mas se é algo que você tem vontade, eu topo fazer.

-Ahh, tenho muita vontade sim, mas sei que você não tá de boa com isso, então deixa pra lá.

Não tocamos mais no assunto, o relacionamento da gente continuou normal, a gente não transava mais nem nada como sempre, só quando meu marido não tava muito cansado. Meu aniversário chegou e de manhã cedo meu esposo me entregou um presente e disse que tinha reservado um pernoite num motel luxuoso pra gente curtir. Fiquei empolgada, finalmente a gente teria uma noite só nossa.

Eu me arrumei inteira, coloquei uma roupa bem sexy, um vestido pretinho, coloquei meu melhor perfume, uma make que me deixou gata e na hora marcada encontrei meu esposo igualmente gato e cheiroso. A gente saiu pra jantar, ele todo romântico mas notei que ele não saia do celular, era o tempo todo conversando com alguém por mensagens, fiquei curiosa mas ele não me disse nada, até pensei se ele não estaria me traindo, mas resolvi não estragar o momento.

Chegamos no motel, achei delicioso, lindo e aconchegante, tinha cheiro de luxúria, comecei a beijar meu esposo, tirei sua roupa enquanto ele tirava a minha e depois me ajoelhei e comecei a chupar o pau dele até endurecer. Meu marido adora meu boquete, logo o pau dele ficou durinho.

Minha buceta tava toda molhadinha, eu tava doida de tesão, comecei a me masturbar enquanto chupava ele todinho, eu adoro o gosto do pau do meu marido na minha boca. A sua pica toda babada deliciosa na minha boca, pulsando gostoso.

-Saudade do teu pau pulsando na minha boca amor!

-E eu da sua chupada, tô doido pra te comer!

-Vem me comer logo então.

Eu disse isso e fui pra cama abrir as pernas e levar rola dele, mas meu marido disse que tinha uma surpresa. Logo ele foi até a porta e um moreno lindo todo malhado cabelos raspados e olhos cor de mel, entrou no quarto e meu esposo anunciou que esse era meu presente.

O cara se apresentou como Caio, começou a fazer um strip, dançar pra mim e tirar a roupa. Quando ele tirou a cueca vi aquele cacete grosso pular duro, rídigo, um tesão. Ele ofereceu com cara de pidão pra eu ir lá chupar, cai de boca naquele cacete enquanto meu marido pos trás de mim me beijava inteira e ficava roçando seu pau na minha bundinha. O pau do moreno era tão gostoso e ele elogiou meu boquete na frente do meu marido. Senti meu esposo ficar mais excitado vendo eu chupando outro.

O moreno me pegou no colo e chamou meu marido pra me comer junto com ele. Fui pra cama com os dois, o moreno deitou primeiro e me botou sentada no colo dele enquanto meu marido me pegou por trás e já tava encaixando a rola na minha buceta junto com o moreno. Fiquei nervosa, nunca tinha feito uma dupla penetração, mas minha bucetinha é bem elástica, já tinhamos brincado do meu marido enfiar a mão antes.

O cara começou a socar o pau e meu marido também, confesso que quase gritei de dor, sentir aqueles dois paus grossos entrando ao mesmo tempo parecia que iam rasgar minha xaninha, eu gemi de dor, eles foram super carinhosos pra ver se me acalmavam e logo eu tava começando a sentir uma dorzinha gostosa.

-Aiii, agora tá gostoso, não parem!

-Quero ver você gozar no pau da gente sua gostosa!

E comecei a rebolar levando pica, gemendo, ganhando chupada nos peitinhos, aperto na bunda, eu já tava tora marcada de tantos chupões e mordidas. Quanto mais eles me xingavam mais eu adorava.

-Não é isso que você queria amor? levar rola assim nessa buceta gostosa? A gente vai te arrombar todinha sua puta!

E os dois me arrombaram por vários minutos, minha bucetinha tava até ardendo. O Caio então trocou de posição, meu marido agora por baixo e ele por trás de mim. O safado encaixou a rola no meu cuzinho e começou a bombar com força até seu sacão grande bater na beiradinha. Foi aí que fiquei mais louca ainda, ele metia sem dó, eu gritava, acho até que ele tirou sangue do meu cu, mas eu não queria parar, foi um tesão.

Eu acabei gozando gostoso da dorzinha gostosa que dava eles me comendo com força, foi a melhor gozada da minha vida. Os safados colocaram a pica pra fora começaram a punhetar na minha cara, eu abri a boca pra engolir o leitinho quente deles e logo o Caio gozou na minha boca, na minha cara, me deu um banho de porra e logo em seguida meu marido. Fiquei toda grudenta de tanta porra, me senti uma puta e adorei.

A noite não tinha acabado ainda mas eu já tava toda assada de tanto dar então me contentei em ficar chupando os dois a noite. Foi o melhor presente que o meu corninho já me deu!

Posts relacionados

Tirei a virgindade do meu primo safado Tirei a virgindade do meu primo safado
Conto de Incesto: Tirei a virgindade do meu primo safado Primeira vez que conto esse relato. É verídico. E não faz muito tempo que me aconteceu. Eu tinha ido viajar passar uns dias na...
Leia completo
Fodi a mãe do meu melhor amigo Fodi a mãe do meu melhor amigo
Contos de Coroa: Fodi a mãe do meu melhor amigo Fodi a mãe do meu melhor amigo. É meu primeiro relato para o site e espero que gostem. Como todo mundo faz, eu também vou me...
Leia completo
Dei para o pai da minha melhor amiga Dei para o pai da minha melhor amiga
Velhos com novinhas: Dei para o pai da minha melhor amiga Dei para o pai da minha melhor amiga Me chamo Renata, tenho 19 anos, sou estudante de direito, loirinha, seios médios, sou...
Leia completo
A Filhinha do Papai A Filhinha do Papai
Família Sacana em: A Filhinha do Papai Neste episódio, A Filhinha do Papai acorda e resolve ajudar seu pai que está trabalhando. Ela prepara um café da manhã reforçado e leva para...
Leia completo
Sobre
O melhor site de Contos Eróticos da internet. Um enorme acervo com diversos temas: porno, sexo, incesto, traição, vizinha, emprega e muito mais! Caso tenha alguma contribuição, nos envie seu conto através do nosso link ENVIE SEU CONTO. Diversos contos de nosso site são retirados de outros sites. Qualquer conteúdo ofensivo, por favor entre em contato que removeremos imediatamente.
Contos Eróticos BR© 2015 / 2019 - Contos Eróticos BR Todos os direitos reservados.