Meu vizinho não deu conta aí eu comi a mulher dele

Comi a mulher do meu vizinho corno

Olá, sou o Beto, e meu vizinho Roberto é um baita corno, comi a mulher dele e não me arrependi de jeito nenhum. Vou contar como começou essa doideira toda.

Eu tenho 26 anos, namoro e moro com meus pais, o Roberto é aquele tipo de vizinho chato, tem mais de 40, se acha o dono da rua porque é bem de vida e é casado com uma gatinha chamada Hanna, que é um pitelzinho. Ela tem 25 anos, é sarada, bronzeada, morena bem gostosa e a cara dela já diz o quanto ela é safada.

Ela sempre foi legal com todo mundo, comunicativa, sempre puxou papo com os caras do bairro, comigo não era diferente, mas quando tava com o marido, ela se limitava a dar um boa tarde ou boa noite e entrar séria. Dava pra ver que o marido dela não gostava que ela conversasse com ninguém.

Ele trabalha como gerente de um banco que fica no interior, então ele viaja e volta todo dia, demora pra cacete pra chegar e tem dias que dorme fora. Ela aproveita esses dias pra sair na porta e ficar batendo papo já que os dois ainda não tem filhos e ela fica sozinha em casa.

Em um desses dias que ela estava sozinha, apareceu a noite na porta com uma cervejinha na mão, um vestido bem justinho que marcava as curvas perfeitas dela e uma maquiagem leve. Cumprimentei e perguntei se ela iria para a balada, mas ela disse que tinha se arrumado pra ficar bonita mesmo.

-Você tá muito gata pra ficar em casa hein vizinha?

-Pois é, pena que vou ficar sozinha essa noite.

-E seu marido?

-Tá viajando, vai ficar lá até amanhã a noite.

-Nossa, se quiser companhia tô aqui!

-Quer tomar uma cervejinha comigo?

-Se seu marido não se incomodar…

-Incomodar como se ele não vai ficar sabendo?

Concordei com ela, entrei meio desconfiado, ela me deu uma cerveja e começamos a bater papo.

-Que bom que você tá aqui gato, beber sozinha é chato, aliás fazer outras coisas sozinha é muito chato. Meu marido não gosta de nada, só chega e dorme.

-Nossa, com uma gostosa como você não recebe atenção?

-Pra você ver, gato! Você me acha gostosa?

-Porra, quem não acha aqui na rua? você é uma delícia.

Ela sorriu, sentou ao meu lado no sofá, começou a acariciar minha coxa, eu tava com tanto tesão por essa mulher que meu pau ficou duro logo, o volume subiu na minha bermuda e essa foi a deixa dela pra passar a mão na minha pica.

-Nossa, tá bem animadinho né?

-Tô sim, com uma mulher como você não tem quem não fique de pau duro.

Ela passou a mão no meu pau, sentou mais a vontade de pernas abertas olhando pra mim e logo foi abrindo meu zíper, colocou meu pau pra fora e se abaixou pra chupar gostoso e quando senti a boca dela no meu pau eu fiquei louco, que boca gostosa dessa mulher, ela me olhava com cara de safada e engolia meu cacete inteirinho e depois tirava da boca. Ela gostava de provocar, me deixou louco, meu pau começou a latejar gostoso na boca dela e a safada ficou toda babada.

Eu tava com muito tesão, se não conseguisse me segurar já tinha gozado nos 2 primeiros minutos na boca dela. Depois de muito me mamar gostoso, essa safada ficou em pé na minha frente, tirou a roupa e começou a dançar, fazer um strip na minha frente.

Vi ela linda toda cheia de tesão, tirou a calcinha, o sutiã, vi sua buceta gostosa e greluda pra fora. Ela tem um grelo imenso, fiquei com água na boca pra chupar gostoso desse grelinho gostosinho.

Foi uma delícia quando levantei, agarrei ela, beijei sua boca gostosa, foi um tesão, fui descendo minhas mãos pelo corpo dela e alcancei sua buceta. Comecei a masturbar essa gostosa, ela ficou louca de tesão, gemeu toda safada, falou sacanagem pra mim e cada vez mais sua buceta tava escorrendo de tão molhada.

-Também quero que você chupe meu grelinho do jeito que chupei seu pau.

Eu botei ela sentada de pernas abertas e me abaixei pra chupar o seu grelo, comecei a dar uma chupada gostosa nela, essa putinha ficou louca, gemeu bem safada, rebolou na minha boca, eu suguei seu pinguelo, lambi, mordi devagar, chupei gostoso, foi um tesão.

Ela ficava cada vez mais molhada, foi uma delícia sentir ela gemendo e rebolando na minha boca, eu enfiava a língua dentro da sua buceta, ela não aguentou e deu uma gozada gostosa na minha boca, ficou molinha e relaxou no sofá.

Eu tava com o pau latejando, abri as pernas dela e comecei a socar a vara na buceta dela, sem camisinha mesmo, soquei com força, entrou até o fundo, ela soltou um gemido gostoso, comecei a me movimentar, tirar e botar com força, foi uma delícia, meu pau deslizava fácil de tão meladinha.

-Ai que pica gostosa, tá batendo tão fundo na minha buceta, que delícia, não tô aguentando mais, metendo assim vou gozar de novo.

-Goza então safada, goza no meu pau dentro de você!

Eu continuei socando, troquei de posição com ela, ela ficou de quatro e tive a visão privilegiada da sua buceta inchadinha empinadinha pra mim, segurei na cintura dela e comecei a socar gostoso nessa safada, foi o maior tesão, meti gostoso.

-Sua buceta é tão apertada, não tô aguentando mais, que vontade de te arrombar todinha, você é muito safada e gostosa.

-Então arromba minha buceta, mete gostoso nela vai seu gostoso.

Ela gostou de sentir meu pau todo enfiado nela, rebolou mais, ficou suada e segurei pelos cabelos dela e arregacei ela todinha, não aguentei e dei uma gozada na sua buceta e vi tudo escorrer bem gostoso.

Depois de gozar com ela, fomos tomar banho agarradinhos e passei a noite com ela e da casa dela fui ao trabalho. Foi gostoso demais passar a noite com essa safada.

Posts relacionados

Fiz meu vizinho de corno Fiz meu vizinho de corno
Contos de Traição: Fiz meu vizinho de corno Fiz meu vizinho de corno Tenho 28 anos, sou solteiro e moro num apartamento com um amigo meu. No meu prédio tem uma coroa muito gostosa,...
Leia completo
Comi a secretária japinha do trabalho Comi a secretária japinha do trabalho
Leitor curtiu a pegada de uma japinha Eu sou casado, advogado, 32 anos. Minha esposa é gostosa, mas na empresa tem uma japinha que na época tinha entrado recentemente e a mulher é um...
Leia completo
Consegui foder a empregada lá de casa Consegui foder a empregada lá de casa
Conto de Traição: Consegui foder a empregada lá de casa Olá, é a primeira vez que conto um relato aqui no site, esse é um pouco curto mas se vocês gostarem eu continuo contando...
Leia completo
Fodendo com um cliente no meu trabalho Fodendo com um cliente no meu trabalho
Conto de Fetiche: Fodendo com um cliente no meu trabalho Fodendo com um cliente no meu trabalho. Eu me chamo Mara, tenho 25 anos, sou morena, baixinha, tenho coxas grossas, bunda...
Leia completo
Sobre
O melhor site de Contos Eróticos da internet. Um enorme acervo com diversos temas: porno, sexo, incesto, traição, vizinha, emprega e muito mais! Caso tenha alguma contribuição, nos envie seu conto através do nosso link ENVIE SEU CONTO. Diversos contos de nosso site são retirados de outros sites. Qualquer conteúdo ofensivo, por favor entre em contato que removeremos imediatamente.
Contos Eróticos BR© 2015 / 2019 - Contos Eróticos BR Todos os direitos reservados.