Dividindo minha puta com meu irmão

Minha puta e meu irmão na maior putaria

Sou o Guto, acabei dividindo minha puta namorada com meu irmão safado. Eu e o Biel sempre fomos bem unidos, a gente sempre foi de curtir balada e em uma dessas aventuras conhecemos uma gatinha que os dois ficaram bem a fim de pegar, mas quem levou a melhor fui eu depois de muito papo com a garota, que se chama Ariele. Ela hoje tem 20 anos, mas quando a conheci ela tinha 18 aninhos, é uma ninfetinha linda, peitinhos médios bem durinhos, magrinha, uma bunda gostosa, um corpinho lindo e cabelos negros até a cintura que dão um charme a mais pra ela.

Meu irmão ficou putaço, ele tava doido pra traçar a safadinha, assim que a gente saiu da balada, mal conhecia ela, fomos para um motel, achei ela bem doidinha e adorei isso nela logo de início, ela é uma mulher sem frescura alguma, adora aventuras e realizar nossas fantasias na cama. Nesse dia da balada foi decisivo pra eu sair com ela outras vezes até a gente acabar namorando. No motel ela tirou a roupa todinha, ficou com uma lingerie preta linda, uma calcinha minúscula toda enfiada no rabinho, uma delícia essa gostosa, já fui pegando ela, encostando o corpo todinho no meu, tasquei um beijo em sua boca enquanto apertei sua bunda gostosa durinha, queria sentir e aproveitei muito, acariciei seu reguinho, ela começou a gemer baixinho enquanto me beijava, um tesão!

Joguei ela na cama, sentei na cara dela empurrando meu pau na sua boca, ela começou a lamber devagarzinho me olhando com cara de safada, passando a língua no meu saco, chupando e depois lambendo a cabecinha do meu pau de uma forma bem sensual, ela é um tesão. Fiquei louco, ela mamou muito na minha pica, tomei até um azulzinho pra resistir mais tempo com ela na cama, depois de receber uma chupada que deixou ela com a boca dormente, eu finalmente pude provar o sabor da sua xota, cai de boca com vontade, bebi daquele melzinho gostoso, meti minha língua dentro, ela gemia, gritava, pedia mais, respirava ofegante, colocava a mão na cabeça. Sempre curti fazer oral sem frescura, me deixa louco sentir a mulher gozando na minha boca e foi o que ela fez, deu uma gozada que ficou molinha.

Depois disso ficamos nos beijando na cama, aí meu pau durão que não baixava por nada, tava latejando, aproveitei pra brincar um pouco e roçar na bucetinha dela, fiquei ali roçando no grelinho dela até a safada não aguentar mais e implorar pra eu meter, pedindo com uma voz safada pra eu comer ela logo. Meti aos poucos, bem devagar, mas ela me puxou pra entrar logo tudo. Ela tava apressada pra levar pau. Fiquei num vai e vem bem gostoso com ela, meu pau entrando e saindo era uma sensação tão gostosa que não consigo descrever, eu me arrepiava a cada socada naquela buceta apertadinha, a gente já tava suando mesmo com o ar do motel ligado no mínimo.

Foi muita meteção, gemidos e beijos, chupei os peitinhos dela até deixar marquinha roxa, a gente fodeu pra caralho, foi uma delícia, ficamos no motel até o dia amanhecer, aí deixei ela em casa e fui pra minha, a partir desse dia fiquei viciado em comer essa safada a ponto de pedir ela em namoro, mas com o tempo fui notando que ela dava corda para o meu irmão e ele em cima dela quase que na minha cara. O pior é que eu tava apaixonado por ela, a vida é assim, a gente não pode encontrar uma gatinha que faça gostoso que a gente enlouquece, fica arriado por ela e esse foi o meu caso com a Ariele, até que um dia na maior cara de pau encontro ela e o Biel fudendo no quarto dela. Tenho a chave do ap, tava desconfiado, cheguei lá de fininho e peguei. Cara, na hora fiquei parado sem saber o que fazer, vi meu irmão ali comendo ela de quatro, os dois de costas para a porta.

Ela tava com o cuzão todo empinado e ele socando com força, chamando ela de puta, puxando pelos cabelos e ela falando várias sacanagens, dizendo que era puta mesmo, que adora foder com ele, que o pau dele é gostoso e outras baixarias que ela sempre falou comigo também. Meu pau ficou duro na hora, me senti traído por ele, eu tava excitado porque meu irmão tava comendo minha namorada? Foi humilhante na hora, e resolvi chamar a atenção deles.

-Caralho, tá legal foder minha namorada Gabriel? e você sua puta, me traíndo na cara dura né?

Meu irmão e ela levantaram, tentaram se explicar mas nem quis saber. Fiquei uns dias sem falar com ele e queria continuar com ela, mas ela falou que tava dividida, me amava mas sentia um tesão da porra por ele e queria ficar com os dois. Eu fiquei puto mas com o tempo acabei aceitando, combinamos fazer uma viagem juntos os três, para um lugar de serra, onde a gente pudesse fazer trilha juntos, se divertir como antes e voltarmos a ser amigos, eu e meu irmão. Foi legal, no primeiro dia a gente se divertiu muito, eu ainda tava tentando me acostumar a dividir minha namorada com outro, mas eu sou louco por ela, então é difícil cair fora dessa relação.

Na primeira noite a gente curtiu muito e voltamos para o hotel cansados. O combinado foi um hotel com quarto triplo, três camas de solteiro, pra não rolar treta. Eu acabei dormindo rápido, mas na madrugada acordei, a cama do meio que era a dela, tava vazia, a cama da ponta, a do Biel, tava com os dois fudendo no escuro. Cara, ela tava sentada na pica do meu irmão, rebolando gostoso com as mãos apoiadas no peito dele, Eu não aguentei, apesar do ciúme, fiquei de pau duro e não tava mais nem aí, se eles podiam fuder, eu comecei a tocar uma punheta discreta, sem me preocupar se eles iam ver. Pra minha sorte eles não viram, continuei batendo uma punheta, pau latejando e ela ali rebolando na rola dele.

Ele chupava os peitinhos dela, fazia ela suspirar, mas ela não gemia alto, acho que pra não me acordar, mas não demorou, ela percebeu meu pau duro e com cara de safada perguntou porque eu não ia entrar na brincadeira também. Tava me sentindo meio humilhado, confesso, mas com muito tesão, aí levantei e enquanto ele comia ela, a safada se abaixou agarrou meu pau e começou a chupar. Meu pau já tava doendo de tesão, ela deu um trato gostoso, chupou direitinho, me deixou louco e meu irmão também, o cara gemia mais que ela.

– Pow mano, vamo fuder essa gostosa todinha cara!

Eu concordei, e ela deu uma empinadinha, me oferecendo espaço pra eu comer o seu cuzinho. Encaixei o pau e enquanto meu irmão fodia sua buceta, eu meti muito naquele cu gostoso e apertadinho que eu tanto gosto. Ela começou a gemer mais alto, bem safada, rebolou, parecia que a gente ia rasgar ela todinha, os paus entrando nela e ela pedindo mais, rebolando e gemendo alto. Parecia cena de filme erótico, dividindo uma buceta e um cuzinho com meu irmão. A gente fudeu ela pra caralho, ele pediu pra trocar, comeu o cuzinho dela também e na hora de gozar ela disse que queria a porra dos dois. A gente encheu a boca e a cara dessa puta de porra.

Foi uma doideira essa noite, perdi as contas de quantas vezes a gente trepou com ela nesse fim de semana. Depois dessa me acostumei mais e por mais louco que pareça eu e meu irmão namoramos ela, mas pra família e amigos eu sou o oficial, mas na intimidade ela é a nossa putinha, um dia fode comigo e outro com ele.

minha puta

Posts relacionados

Fodendo com a prima na balada Fodendo com a prima na balada
Conto de Incesto: Fodendo com a prima na balada Fodendo com a prima na balada é um conto real que aconteceu comigo. Me chamo Adriano e sempre fui doido pela minha prima Marcela, uma gata...
Leia completo
O pastor da minha igreja me comeu bem gostoso O pastor da minha igreja me comeu bem gostoso
Conto de Traição: O pastor da minha igreja me comeu bem gostoso Eu me chamo Ana, tenho 36 anos, sou casada a 14 anos com o Mário e confesso que gosto muito de ler os relatos aqui do...
Leia completo
Sonhos e fetiches na Disneylândia Sonhos e fetiches na Disneylândia
Sou a Gabriela e estou aqui para compartilhar com vocês uma história fantástica! Desde os meus nove aninhos, queria muito conhecer a Disneylândia... Assim como toda criança da minha...
Leia completo
Putinha dos amigos do meu irmão Putinha dos amigos do meu irmão
Contos de GangBang: Putinha dos amigos do meu irmão Putinha dos amigos do meu irmão.Quando eu tinha uns 18 anos eu era bem safadinha. Adorava usar shortinhos curtinhos, na verdade até...
Leia completo
Sobre
O melhor site de Contos Eróticos da internet. Um enorme acervo com diversos temas: porno, sexo, incesto, traição, vizinha, emprega e muito mais! Caso tenha alguma contribuição, nos envie seu conto através do nosso link ENVIE SEU CONTO. Diversos contos de nosso site são retirados de outros sites. Qualquer conteúdo ofensivo, por favor entre em contato que removeremos imediatamente.
Contos Eróticos BR© 2015 / 2019 - Contos Eróticos BR Todos os direitos reservados.