A putinha novinha e o pedreiro

8 votes

Olá! Tenho 18 anos e essa história aconteceu recentemente comigo. Sou branquinha, olhos verdes, 1,65 de altura, 52 quilos,  magra, cintura fina, bumbum e seios fartos e durinhos.

Meu pai é advogado na cidade onde moramos, e minha mãe é diretora de uma escola… Sempre fui muito mimada por eles e por isso tive bastante liberdade, porém, nunca deixaram eu namorar sério, por isso nunca tive nenhum contato sexual com ninguém a não ser beijos.

Meu pai precisou fazer uma reforma na parede da cozinha, então ele contratou um pedreiro de sua confiança. Seu, um homem de 58 anos, barba por fazer, gordo, mãos grossas, estilo relaxado.

Eu estudava de manhã, no primeiro dia ele foi muito educado, meu pai me apresentou para ele e foi atender uma ligação, ele me deu bom dia e não perdeu a chance de me elogiar, eu sorri e agradeci sem malícia nenhuma.

Ao caminho do carro eu olhei para trás e vi ele olhando para a minha bunda com um sorriso safado, fingi que não reparei mas ali começou a me despertar uma certa atração por aquele homem.

Ao caminho do colégio fui pensando no carro que eu já tinha ele nas mãos, fiquei pensando que ele nem sonha em pegar uma novinha igual a mim, e isso foi acendendo um fogo dentro de mim!

Ao voltar para casa meio dia, fiquei esperando meus pais irem trabalhar para eu ficar sozinha com ele em casa.
Assim que saíram, fui até meu quarto e vesti uma blusinha folgada com decote, sem sutiã e um shortinho de pijama com um calcinha pequena, puxei bem para cima e deixei na a mostra metade do bumbum. Fui até a cozinha pegar um copo de refrigerante (na verdade fui só para provocar aquele homem), fiz questão de me empinar para pegar o refrigerante, enchi meu copo e perguntei:
– Quer um pouco senhor?

Ele respondeu que sim.

Então enchi um copo para ele e entreguei para ele.

Bebeu tudo e agradeceu, depois disse:
– Está muito quente hoje, não acha? Seria ótimo um ar condicionado aqui.

Eu, putinha do jeito que sou, respondi:
– Vamos ali na sala comigo, lá tem ar condicionado.

Então peguei na mão dele e fui levando ele até a sala, caminhando na frente dele, nas pontinhas dos pés e com o bumbum empinado.

Novinha comida pelo pedreiro

Chegando na sala, falei para ele sentar, fiquei de quatro para alcançar o controle, olhei para trás e vi ele secando com tudo minha bbundinha. Sentei do lado dele e vi ele mexendo no pau por cima da calça, aquilo me deu uma vontade imensa de mamar aquela rola, apesar de nunca ter feito isso.

Ele perguntou minha idade e que horas meus pais chegavam, ainda eeera 14:00 e meus pais chegavam aas 18:00 então tinhamos muito tempo para fuder gostoso.

Ele colocou a mão na minha coxa e disse que sou muito linda, a outra mão estava mexendo no pau dele ainda, eu agradeci e ele falou que ainda estava calor, falei para ele tirar a camisa. Ele tirou e mostrou aquela barriga grande com os peitos cabeludos, lembrei que o que eu pensei a caminho do colégio, que esse homem não fazia ideia de que estava prestes a conseguir fuder uma ninfetinha virgem, aquilo me deu um tesao enorme que pergunte: Posso mexer ai também?

E ele disse que sim, então fiquei de quatro do lado dele e peguei naquela rola, ainda não estava totalmente dura, mas deu para ver como era grossa, ele puxou meu cabelo para trás e mandou eu abrir o zíper, eu obedeci e abri o zíper e puxei o shorts sujo e a cueca com mancha de mijo, deixando amostra aquele pau peludo, ele mandou eu lamber a cabeça daquela pica, passei a língua bem devagarinho na cabeça do pau dele, fui descendo e subindo com a língua, coloquei a cabeça na boca e fiquei lambendo em volta, ele gemia e passava a mão na minha bunda, enquanto eu chupava a cabeça do pau.

Ele empurrou minha cabeça e engoli tuda aquela pica, até engasgar, senti ficando duro , cada vez mais e mais grande, ele não deixava eu respirar, ficava enfiando na minha boca, enquanto abaixava meu shorts… Começou a meter na minha boquinha sem parar, e ficava passando o dedo no meu cuzinho, eu estava com medo mas o tesão era tanto que eu estava disposta a ceder meu cuzinho para aquele homem, ele começou a meter mais forte e mais fundo, falou que ia gozar e encheu minha boquinha de leite, mandou eu beber tudo enquanto me chamava de putinha.

Eu estava adorando aquilo tudo, muito leite na minha boca, bebi tudo o que ele tinha, suguei aquela pica até a última gota.

Ele levantou e foi até o banheiro, e logo depois voltou, achei que tinha acabado, mas me virou de frente e começou a chupar minha bucetinha, lambia e chupava muito, gozei só na língua e pegada daquele homem, me virou de quatro e começou a lamber meu cuzinho, eu estava indo aas loucuras, até que cuspiu na cabeça do pau e esfregou na minha bucetinha, começou a enfiar devagar, mas não aguentou o tesão e enfiou tudo, senti aquele pau me rasgar, doeu muito, muito mesmo, mas gemi igual uma putinha e mandei meter mais.

Ele começou aquele vai e vem, bem forte, tapas na minha bunda, puxou meu cabelo, puxava pela cintura, era tudo de bom, gozei várias vezes naquela pica, e chegou a hora de meter no meu cuzinho… Pediu pra eu ficar de ladinho, lambeu e cuspiu no meu cuzinho, esfregou a pica e foi deslizando, foi entrando e entrando, a dor era muito, mas estava tão gostoso, aquele homem estava realizando um sonho, deixei acontecer… Até que entrou, comecei a rebolar devagarinho, ele gemendo muito, estava louco de tesão, até que pedi para ele meter em mim, começou a socar no meu cuzinho sem camisinha, ele apertava meu pescoço, com muita força, não conseguia nem falar…

Mandou eu sentar na pica dele, fui encima, estávamos muito suados, aquele peito cabeludo estava encharcado, ele me abraçava e me alisava toda enquanto enfia aquela toda no meu cuzinho, ele disse que estava quase gozando, eu mandei gozar no meu cuzinho, bem la no fundo.

Então comecei a sentar com força e ele já estava se tremendo todo, até que senti um jato dentro de mim, enfiei tudo e fiquei sentindo aquela pica latejar dentro de mim, ele urrando feito um urso de tanto tesão…

Durou mais de 30 minutos nossa transa, fiquei toda assada, mas feliz, ficamos abraçados no sofá, dando beijos molhados, aaaté que fui tomar um banho e esperar meus pais chegarem.

No outro dia era o último dia dele, eu fiquei de dar o dinheiro para ele ja que meus pais não estavam, claro que dei o dinheiro e outra coisa para ele de novo.

Posts relacionados

Pegando a empregada bunduda de jeito ADS Pegando a empregada bunduda de jeito
Fudendo o cuzinho da empregada bunduda no banheiro de casa ... Um verdadeiro tesão!
Netinha putinha e vovô do pau grande Netinha putinha e vovô do pau grande
Tenho 22 anos, sou morena, alta e um corpo escultural. Sempre tive costume de visitar meu avô na época do natal, ele é...
A putinha safada e o padrasto tarado A putinha safada e o padrasto tarado
Sempre fui muito mimada pela minha mãe, mesmo eu tendo 23 anos nas costas e a gente sempre teve uma relação boa mas rolava...
Novinha dando o cuzinho virgem para o massagista Novinha dando o cuzinho virgem para o massagista
Eu estava hospedada nesse resort com meus pais e a maioria das pessoas lá eram velhas, com exceção de algumas crianças, na...
Vídeos de Sexo Anal e Porno Grátis ADS Vídeos de Sexo Anal e Porno Grátis
Porno com Mulheres dando o cuzinho no melhor do sexo anal grátis com safadas fudendo muito na pica dos seus machos.
A mãe tarada e o filho nerd ADS A mãe tarada e o filho nerd
A mamãe tarada e o filho nerd, num bom conto erótico em formato de quadrinhos, onde como pode ver, a mamãe não vai liberar a piroca do filho e cair de boca...
A putinha novinha e o pedreiro A putinha novinha e o pedreiro
Olá! Tenho 18 anos e essa história aconteceu recentemente comigo. Sou branquinha, olhos verdes, 1,65 de altura, 52 quilos, ...
A putinha novinha e o pedreiro A putinha novinha e o pedreiro
Olá! Tenho 18 anos e essa história aconteceu recentemente comigo. Sou branquinha, olhos verdes, 1,65 de altura, 52 quilos, ...
Ensinando a novinha um bom sexo Ensinando a novinha um bom sexo
Este conto não é como os contos que leio aqui. Nem sei se ele trás alguma eroticidade, mas tentarei. Tenho 64 anos, fui...
A novinha e o montador de móveis com a mão no pau e na buceta
Eu tinha 18 anos quando fui trabalhar na loja da minha tia e ainda era virgem, então chegava todas as manhãs eu ficava olhado os...
Sexo a três: coroa comendo 2 novinhas Sexo a três: coroa comendo 2 novinhas
Luiz era um homem maduro na casa dos 55 anos, recém divorciado da segunda esposa com a qual teve apenas um filho que estuda na...
Enfim fodi minha funcionária novinha Enfim fodi minha funcionária novinha
Vocês lembram quando contei que quase fodi minha funcionária. Pois bem dessa vez criei coragem, vou até descrever como ela é. ...

(1) Comentário(s)

  • Renato - Criado em 19/10/2021 Tem uma mulher carente e só m ligar pode ser casada ou coroa tbm xxxx

Deixe seu comentário

Sobre
O melhor site de Contos Eróticos da internet brasileira. Um enorme acervo de temas: porno, sexo, incesto, traição, vizinha, emprega e muito mais contos de sexo! Quer contribuir? ENVIE SEU CONTO. Qualquer conteúdo ofensivo, por favor entre em Contato que removeremos imediatamente.

porno - xvideos - contos eroticos - contos erótico - quadrinhos eroticos - porno amador - porno brasil

© 2014 - 2021 - Contos Eróticos → Os Melhores Contos Eróticos e Sexo (2021) Todos os direitos reservados.