Conto Erótico: Difícil Ser Virgem

Eu era muito nova, tinha apenas 19 aninhos, minha buceta estava nascendo os pelinhos, meus peitinhos estava crescendo, eu gostava de ir ao shopping comprar calcinhas para usar e me olhar no espelho, minha buceta era muito pequena mas parecia uma borboleta, eu gostava de colocar o dedo mais apertava muito..

Minha mãe dizia que eu tinha que guardar a minha virgindade para o casamento, prometi a ela que não iria fazer sexo antes do casamento, mas logo que eu cresci o desejo de sexo tomava conta do meu corpo, a vontade de sentir um homem aumentava cada dia mais..

Meu pai sofreu um infarto e passou a morar em casa só eu e minha m~ee, logo depois minha mãe arrumou um namorado, o Carlos..

Carlos era um homem bonito pra sua idade, malhava, e tinha um corpo muito masculino pernas grossas e muitos músculos pelo corpo, no incio ele me chamou muita atenção sua beleza, mais eu não poderia deseja-lo pois ele era da minha mãe..

Mais os meses passavam e eu senti que ele me olhava diferente,passou a passar a mão nas minhas pernas, e aquilo me excitava, levei um susto quando vi sua cueca inchando, pensei na minha mãe, e não queria trai-la..

Falei que eu não queria nada com ele,mais todas as vezes que eu o via, meus peitos inchavam, minha buceta lubrificava, eu queria dar, eu queria ser usada, eu queria sentir um homem dentro de mim,sentir o seu pau entrar em meu buraquinho e me fazer mulher..

Os dias passavam, e começamos a ficar, a nos beijar às escondidas, sempre que mamãe saia, deixei que ele pegasse na minha buceta e ele tirou seu pau pra fora, levei um susto, era grande grosso cheio de veias, peguei e me pediu pra mamar, tentei colocar aquele pau todo dentro da minha boca mais não conseguia colocar nem a cabeça..

Ele puxou minha calcinha pro lado e começou a esfregar seu grande pau perto da minha bucetinha e eu tremia meu corpo inteiro, era muito duro, rígido grosso, iria me machucar..

Difícil ser virgem

Minha bucetinha virgem

Deixei que lambesse a minha buceta, mais não deixei que me comesse, FIQUEI COM MEDO QUE ME MACHUCASSE, MAS ELE DIZIA QUE NÃO IRIA ME MACHUCAR, mas isso eu conto no proximo conto…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

1 Comentário